Veja_como_cuidar_do_baú_do_caminhão.jpg.jpeg

A utilização de baús confere vantagens no transporte de cargas, como proporcionar condições favoráveis às cargas, protegendo-as do sol e de condições climáticas diversas, além de garantir a privacidade e a segurança do material que está sendo transportado. Por ser um componente caro, é preciso tomar alguns cuidados para que o investimento em um baú traga o retorno esperado e não se torne uma dor de cabeça.

Neste post, você verá os cuidados necessários para garantir o melhor aproveitamento do baú do caminhão!

Instalação

Assim como qualquer outro equipamento, a instalação do baú deve ser feita respeitando as características do veículo onde será instalado, como dimensões e capacidade de carga, sem deixar de observar a legislação vigente, como a Resolução 318/2009 do Contran, que estabelece limites de pesos e dimensões para os veículos de carga.

Mais do que isso, a preocupação com o baú deve ocorrer mesmo antes da instalação, uma vez que existem vários tipos, que variam desde o material empregado até o tipo de uso. Ou seja, o uso do baú será determinado pela demanda de trabalho, pois trata-se de um investimento.

Portanto, o mais indicado é fazer a instalação em empresa que seja confiável, onde será possível obter informações e ser melhor orientado.

Cuidados e conservação

Por se tratar de um investimento do alto valor, é importante que sejam tomados cuidados na conservação do baú, inclusive com a adoção de verificações e manutenção constante. A boa notícia é que o próprio caminhoneiro pode cuidar de muitas coisas, garantindo assim a qualidade do serviço e, ainda, economizando algum dinheiro!

Lavagem

Independente da carga, é importante que o baú seja lavado periodicamente. Alguns tipos de cargas, como materiais corrosivos exigirão lavagens mais frequentes, para evitar danos aos perfis laterais do baú. A lavagem, inclusive, pode ser uma boa ferramenta para localizar possíveis vazamentos, verificando, ao lavar a parte externa do baú, se há infiltrações para a parte interna. Imagine o transtorno de descobrir, ao descarregar uma remessa de eletrônicos, que eles foram danificados pela chuva que infiltrou pelo baú!

Ao notar algum vazamento, é comum utilizar manta asfáltica ou cobrir o baú com lona, mas essas são soluções apenas emergenciais que podem falhar facilmente, e o reparo correto deve ser providenciado com urgência.

Equipamentos

Não esqueça de reservar um espaço para guardar alguns equipamentos que podem ser úteis durante as viagens:

  • Levanta fios;
  • Cordas, caso seja necessário amarrar as cargas;
  • Cones para sinalização, se for preciso descer para verificar a carga, ou mesmo quando for fazer a descarga;
  • Caixa com ferramentas

Lembre-se de colocar os equipamentos após o caminhão estar carregado, e deixá-los próximos a alguma porta de acesso ao baú.

Planejamento

Ao definir sua rota, é importante planejar os trajetos, evitando possíveis transtornos causados por ruas estreitas, árvores ou mesmo fios baixos. Todas essas condições oferecem riscos de danos externos ao baú do caminhão, sem contar prejuízos com reparos de objetos atingidos. Se você tem afinidade com tecnologia, pode ter uma ideia do que vai encontrar no caminho utilizando a função Street View do Google Maps, que mostra as ruas e cidades a partir do ponto de vista do motorista.

Carga e descarga

Os procedimentos de carga e descarga certamente são os momentos em que o baú está mais vulnerável a algum tipo de dano, já que por muitas vezes é necessário estacionar de ré nas vagas destinadas, o que pode exigir o auxílio de um ajudante.

Outro problema comum são os danos causados por empilhadeiras, que podem atingir as chapas do baú com as pás. Para evitar este problema, acompanhe atentamente o procedimento, avisando o operador caso necessário.

Como vimos, há vários cuidados necessários para conservar o baú do seu caminhão. Mas, pensando bem, não será difícil adotá-los se você conseguir fazer com que os procedimentos façam parte de sua rotina, não é mesmo?

Quer saber muito mais sobre caminhões, transporte e logística? Junte-se a nós e curta nossa página no Facebook!

Deixe um comentário