O_que_considerar_antes_de_fazer_um_consórcio_de_caminhão.jpg.jpeg

Quem trabalha com transportes pesados, especialmente caminhões, precisa realizar a troca periódica de seus veículos, afinal eles sofrem muito com o uso excessivo e as condições das estradas brasileiras. Nesse contexto, um consórcio pode ser uma ótima alternativa, pois conta com diversos benefícios e permite fugir dos juros abusivos, um problema que vem incomodando muito os brasileiros.

No entanto, é preciso fazer tudo da maneira certa. Quer descobrir o que considerar antes de fazer um consórcio de caminhão? Então confira o artigo de hoje.

Quando o consórcio de caminhão vale a pena?

Um consórcio apresenta diversas vantagens e vale a pena para muita gente, especialmente se for feito com os devidos cuidados. Quem não tem necessidade imediata de contar com o caminhão, por exemplo, pode optar sem medo por essa modalidade: ela permite se programar ao longo do tempo com certa dose de antecedência. No entanto, vale lembrar que a contemplação pode surgir tanto na primeira quanto na última parcela, mas em linhas gerais é preciso contar com o risco (e as vantagens) de esperar algum período.

O consórcio também é a alternativa perfeita para quem deseja crédito e quer fugir dos juros, pois eles estão ausentes nessa escolha. Existe apenas uma cobrança de taxas referentes à administração, do fundo de reserva e do seguro. Também é ideal para quem não consegue economizar com facilidade, pois proporciona uma verdadeira sensação de compromisso financeiro e ajuda a fugir das tentações.

Por fim, outro dos grandes benefícios é a flexibilização de pagamento: se sobrar algum dinheiro no final do mês, é possível pagar antecipadamente algumas parcelas e aproveitar o bom momento para reduzir o saldo final. O mesmo vale para o oposto: se faltar grana, você pode solicitar a devolução da quantia no encerramento do grupo de consórcio, na data seguinte ao último sorteio.

Dicas úteis

Escolha bem a administradora

Apesar de todos os benefícios apresentados pelo consórcio de caminhão, é preciso tomar algumas atitudes para que tudo saia da melhor maneira. A primeira certamente é escolher a administradora com inteligência, pois em caso de problemas com a empresa você pode passar por maus bocados. Pesquise a sua reputação na internet, cheque em sites de reclamações e consulte amigos e colegas que já tenham feito negócios com essa companhia. Também busque comparar ofertas, prazos e taxas cobradas pelas administradoras, afinal elas podem variar bastante e representar grandes lucros ou prejuízos para os participantes.

Leia as cláusulas do contrato

Também é primordial ler atentamente todas as cláusulas do contrato. Não tenha vergonha: tire todas as suas dúvidas e peça todos os esclarecimentos possíveis. Busque também confirmar os tipos de seguro envolvidos e questione minuciosamente como será o processo de contemplação e em quanto tempo você receberá a carta de crédito para poder comprar o veículo. Pergunte sobre o fundo de reserva, que é uma taxa incluída nas parcelas e que serve para arcar com eventuais inadimplências dos participantes: ela deve ser devolvida para você ao final do consórcio, caso não seja utilizada.

Fique em dia com as parcelas

Por fim, tome muito cuidado com eventuais atrasos das parcelas, observando o valor da multa para esse caso e  outras possíveis penalidades, como não poder participar de sorteios ou lances enquanto estiver inadimplente.

Isso é tudo o que você precisa saber sobre o consórcio de caminhão. Essa alternativa pode ser excelente, e você deve considerá-la antes de comprar o seu próximo veículo!

Quer receber outros artigos como este em primeira mão e acompanhar as nossas novidades? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter!

 

Deixe um comentário