Caminhoneiro: atenção para a lombalgia!

Caminhoneiro atenção para a lombalgia!

A profissão de caminhoneiro é bastante árdua e exige bastante do corpo do trabalhador. São horas sentado na mesma posição, percorrendo muitos quilômetros por dia e cumprindo prazos que muitas vezes não são tão extensos como deveriam.

Por essa razão, diversos problemas de saúde podem surgir. E um dos mais comuns é a lombalgia. Esse mal incomoda muitos profissionais da estrada e pode trazer consequências bem desagradáveis, mas o fato é que com algumas atitudes certas, é possível preveni-lo. Quer descobrir como fazer isso? Então confira o post de hoje!

O que é lombalgia

A lombalgia é o nome que se dá à dor e ao incômodo na região lombar. Inimiga de muitos motoristas de caminhão, ela geralmente é causada quando um ou mais músculos das costas sofrem estiramento ou são submetidos à tração.

O longo período sentado é uma das principais causas do problema, mas não é a única. O sedentarismo, a obesidade, a má postura e o carregamento de cargas pesadas ao desembarcar mercadorias também são fatores de risco.

A lombalgia por si só ainda não é um sintoma grave, mas é indispensável observá-la com atenção. Quando as dores forem muito intensas, outros males podem estar relacionados, como a hérnia de disco.

Quais são os principais sintomas da lombalgia

O principal sintoma da lombalgia é claramente a dor na região lombar. Ela pode ser de diversas intensidades e vir acompanhada de rigidez muscular. Existem outros sinais menos comuns, mas que também merecem a atenção do motorista de caminhão:

  • Falta de controle da bexiga ou do intestino;

  • Dificuldade para caminhar ou movimentar os membros inferiores;

  • Formigamento nos braços e nas pernas.

Se possível, sempre que esses sintomas aparecerem, procure um médico imediatamente.

Como prevenir a lombalgia

A lombalgia, na maioria dos casos, pode ser prevenida. O primeiro passo para isso é evitar o excesso de peso — incluindo a obesidade — e praticar exercícios regulamente. Mas para evitar o problema, o motorista deve adotar outros hábitos saudáveis, especialmente na hora do expediente:

Correção da postura

Adotar a maneira correta de se sentar dentro do caminhão é essencial. Portanto, deixe o banco em uma posição de forma que as mãos consigam segurar o volante sem que os ombros e as costas fiquem longe do encosto.

As pernas, por sua vez, não devem ficar comprimidas, e a coluna precisa ficar sempre ereta e com bom apoio. Os pés precisam estar bem firmes no chão, com os joelhos fletidos em ângulos retos.

Se for necessário (geralmente em casos que o banco não é ajustável), coloque uma toalha ou almofada de boa densidade para evitar que você fique curvado enquanto dirige.

Carregamento de cargas

Quanto ao carregamento de cargas, é preciso ter atenção a algumas coisas. Ao levantar objetos do chão, o motorista precisa dobrar os joelhos e não a sua coluna. Em caso de carregar itens pesados, mantenha-os junto ao corpo e evite girar o tronco. Nunca carregue objetos na cabeça.

Alongamentos

Os alongamentos também são uma ótima forma de manter a região lombar saudável e é possível realizar alguns mesmo dentro da cabine. Por exemplo: é interessante alongar a região cervical de maneira lenta e gradual. Gire o pescoço com movimentos amplos 10 vezes para cada lado.

Quando o veículo estiver parado, é interessante dar ênfase nos membros superiores e inferiores, especialmente na região posterior das coxas. O encurtamento dos músculos na região é uma das causas mais comuns de dor nas costas. Para isso, é preciso fazer uma flexão de tronco: com as pernas eretas e sem dobrar os joelhos, tente lentamente tocar o chão e mantenha-se na posição por cerca de 30 segundos, voltando lentamente.

Agora que você já sabe tudo sobre a lombalgia, que tal adotar algumas atitudes para evitar o problema? Cuidar da saúde é essencial para conseguir trabalhar e manter a qualidade de vida por mais tempo!

Tem alguma dúvida sobre a lombalgia? Então deixe a sua questão em nossos comentários!

Deixe um comentário