2406-ivc-eu-caminhoneiro

As condições das estradas brasileiras causam polêmica entre os motoristas. Mal conservadas e mal sinalizadas em diversos trechos, viajar por essas rodovias exige muito cuidado e atenção de todos. Infelizmente, não é raro nos deparamos com graves acidentes, causados mesmo por condutores experientes: ninguém está a salvo dos erros de trânsito, que podem acabar custando muitas vidas.

Quanto maior a experiência do condutor, maior é sua confiança ao volante. Tal segurança pode levar o motorista a se esquecer de alguns cuidados simples, mas muito importantes. Separamos neste post alguns dos mais frequentes erros de caminhoneiros. Se você é um motorista experiente, essas dicas também são para você!

Não descansar o suficiente

Este é provavelmente o erro mais cometido pelos caminhoneiros, dos novatos aos experientes. Muitas vezes, o excesso de confiança e os curtos prazos de entrega acabam influenciando os motoristas a correr com a viagem. No entanto, o descanso é imprescindível para a segurança de todos os caminhoneiros. Não se deve passar mais de 3 ou 4 horas seguidas no volante: é necessário fazer algumas paradas para descanso, alimentação e necessidades fisiológicas. Além disso, todos os motoristas devem planejar sua rota considerando sempre 8 horas de sono. Qualquer escala diferente disso pode colocar a segurança de todos em risco.

Dirigir com apenas uma mão

Este é um erro banal, mas que pode trazer graves consequências ao motorista. Muitos conduzem o caminhão com apenas uma mão para descansar um pouco os braços e os ombros. Se este for o caso, lembre-se que a manobra deve ser feita de forma rápida e com muita atenção! Utilizar apenas uma mão no volante diminui significativamente o controle da máquina, aumentando o tempo de reação do motorista e diminuindo sua capacidade de manobrar o caminhão. Esses detalhes podem causar acidentes fatais em uma estrada movimentada.

Não respeitar a sinalização

Até mesmo o mais experiente dos motoristas pode deixar de lado as placas de limite de velocidade. Portanto, não se esqueça: é muito importante que todas as sinalizações sejam respeitadas! Trafegar acima da velocidade indicada, ultrapassar com faixa contínua e trafegar em fila dupla – entre várias outras infrações – são atitudes que podem causar graves acidentes. Por isso, respeite sempre todas as sinalizações. Além de cuidar da sua segurança e dos demais condutores, você também evitará multas e outras penalidades.

Não realizar manutenções

É imprescindível que o caminhão passe por todas as revisões estipuladas no manual do fabricante. Realizar as manutenções corretamente é essencial para garantir o funcionamento do veículo e evitar qualquer tipo de defeito. Não cuidar do seu caminhão pode fazer com que algum componente ou sistema falhe no meio do trajeto, o que pode trazer inúmeras consequências ao motorista e demais viajantes.

Não reduzir em condições adversas

Muitos motoristas experientes se sentem confiantes demais para reduzir a velocidade ou dirigir com mais atenção sob chuva ou neblina. Pois saiba que as condições adversas, aliadas a pequenas imprudências dos motoristas, podem causar danos irreparáveis! Por mais experiente que seja o condutor, ele deve reduzir a velocidade ou até mesmo parar o veículo, dependendo das condições climáticas. Se você tem dúvidas sobre como proceder em condições adversas, veja aqui 5 dicas para caminhoneiros pegarem a estrada na chuva.

Lembre-se que a maioria dos acidentes ocorre por falha humana, e mesmo o caminhoneiro mais experiente está sujeito a cometer erros. É fundamental conduzir de forma defensiva, sempre respeitando os outros motoristas e atento ao trânsito e às estradas. Essas são atitudes pequenas, mas que podem evitar muitos acidentes e vítimas nas rodovias.

Agora que você já conhece alguns dos mais frequentes erros de caminhoneiros, compartilhe esse texto nas redes sociais e ajude seus amigos condutores! Quanto mais motoristas souberem destas informações, menor será o número de acidentes nas estradas. Nos vemos no próximo post!

Deixe um comentário